Páginas

terça-feira, 30 de agosto de 2016

Uma canção em sí menor

Não tenho medo do futuro
Nem quero saber como será o dia de amanhã
Eu quero um instante de cada vez
eu quero um pouco de tudo
algumas vezes não quero nada!
Eu tenho tudo ao meu redor.

E eu só quero aquele simples pôr do sol
e uma canção tocada em sí menor
em meu velho violão.
Não tenho pressa de nada
Tudo tem seu tempo certo pra nascer
Eu quero um instante de cada vez
eu sou de tudo um pouco
mas há quem diga que sou louco.

                 Manoel Augusto