Páginas

domingo, 28 de agosto de 2016

O Infinito na palma da mao


Eu abro a porta e dou de cara com o infinito
Onde está meu pensamento?
Eu vou pra rua pisando em estrelas
Minha casa está lá além de qualquer lugar.
Me visto de nuvens pra poder sair
A chuva chegou pra me acompanhar.





Existem coisas tão pequenas
Mas de tão imensa beleza
que você nem pode imaginar
Tão imensa que a gente não consegue enxergar
Um mundo inteiro na palma da mão
Eu fecho a porta
e no infinito
é aonde o meu pensamento está!

           Manoel Augusto