Páginas

segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Meus balões

Enchi meus balões
Peguei toda minha raiva e o primeiro enchi
depois peguei a tristeza que me habitava
e outro balão enchi.
e pensei nas coisas ruins que me atormentavam
e em outros balões coloquei.
Por fim soltei-os no ar
soltei-os pra que se fossem.
e a medida que se iam
melhor me sentia, alegria sentia.
e cada vez que ficavam mais distantes
no horizonte distante, pensei
porque não fizera isso antes,
não sei.

              Manoel Augusto